Newsletter
Notícias

Unimed-BH faz parceria inédita com a Prefeitura de Belo Horizonte e compartilha tecnologia

07/04/2020

A Unimed-BH foi pioneira em Belo Horizonte em oferecer a modalidade de consulta online para seus clientes, como uma alternativa para atender os casos suspeitos de Covid-19 e evitar a transmissão do vírus. Reforçando seu compromisso com a população, a cooperativa cedeu o seu sistema de consulta online para a Prefeitura de Belo Horizonte, que por meio da Secretaria Municipal de Saúde também passa a oferecer o serviço para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) da capital.

Para o diretor-presidente da Unimed-BH, Samuel Flam, a telemedicina é uma opção para enfrentarmos o momento crítico gerado pela pandemia de coronavírus e que poderá afetar todo o sistema de saúde brasileiro. “Sabemos que o isolamento é fundamental neste momento e a consulta online é um avanço que favorece e protege a população, que fica menos exposta ao contágio da doença. A atitude de compartilhar a nossa tecnologia reitera o compromisso da Unimed-BH com a saúde de toda a população de Belo Horizonte”, afirma. 

De acordo com a Prefeitura, todos os moradores da capital, cadastrados em Centros de Saúde, podem realizar esse tipo de atendimento pelo portal da Prefeitura de Belo Horizonte, no link consultacoronavirus.pbh.gov.br.  O serviço está disponível, a partir de hoje (06/04), e funcionará de segunda a sexta, das 8 às 18 horas.  A medida beneficiará toda a população da capital que é usuária da rede pública de saúde. A consulta será feita com médicos do SUS e deve ser realizada por pessoas que apresentam sintomas como tosse, dor de garganta, congestão nasal, coriza, com ou sem febre.

“Nesse momento de grande desafio para o mundo todo, parcerias como esta, que a Prefeitura de Belo Horizonte e a Unimed-BH estão fazendo, mostram como a união de esforços é importante para preservamos a vida. Com o sistema de consulta online, vamos continuar prestando a assistência que a população merece, mas com mais segurança, reduzindo o número de pessoas nas nossas unidades de saúde”, considera o Secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado Pinto.

A iniciativa tem o objetivo de atender e orientar a população, diminuindo assim a circulação de pessoas, principalmente os grupos de maior risco como idosos, imunossuprimidos e gestantes aos serviços de saúde. Isso pode evitar que usuários com diagnóstico positivo, apresentando sintomas leves, circulem na cidade ampliando a disseminação da doença.

Seguindo o mesmo modelo utilizado pela Cooperativa, os pacientes com suspeita de COVID19 seguirão ainda em telemonitoramento, por telefone, pela equipe da unidade de atendimento que irá ligar a cada 48h, de acordo com a indicação médica, para avaliar a evolução dos sintomas relatados na consulta online.

Assessoria de Imprensa