Newsletter
Notícias

Mensagem da presidente da Cooperativas das Américas, Graciela Fernandez Quintas

03/04/2020

Estimados e estimadas cooperativistas

Respeitados dirigentes das Organizações associadas

Queridos integrantes do Conselho de Administração

Cooperativas das Américas

Esperamos que neste momento se encontrem com boa saúde, cuidando de seus parentes queridos e ajudando que as Américas reduzem a curva de contagio da Covid-19.

Desde Cooperativas das Américas queríamos nos aprofundar nas diferentes oportunidades para a evolução da consciência que surgem do COVID-19, o que representa um desafio à humanidade em uma escala sem precedentes, uma vez que não reconhece fronteiras, nacionalidades, religiões ou etnias.

Nestes últimos dias, experimentamos momentos de incerteza, medos, temores, perguntas no nível coletivo, mas, ao mesmo tempo, vimos atos que revelam o coração da humanidade; Vimos a solidariedade e a cooperação traduzidas em ações concretas de cada uma das confederações e cooperativas, somadas ao esforço das autoridades e governos da região para aliviar a crise da saúde.

Devemos reconhecer que é um momento que nos permitiu parar de pensar no "eu" para pensar em "nós", uma situação que nos tira do modo automático e nos leva a um modelo básico que é o lar como célula da sociedade. Descobrimos que, em momentos de crise, a vida é reduzida a momentos em busca de equilíbrio e calma, e também nos levou a questionar todas as estruturas sociais que já eram prejudiciais, como o sistema de seguridade social, o sistema de consumo, o saúde e a crise climática.

Expressamos nossa preocupação com os efeitos devastadores de longo alcance que levam dezenas de milhões de pessoas ao desemprego, subemprego e pobreza no trabalho. Segundo estimativas da Organização Mundial do Trabalho (OIT), isso pode levar 25 milhões de empregos em todo o mundo. Nesta ordem, solicitamos aos nossos colaboradores que façam o máximo esforço para manter empregos diretos e forjar a subsistência de empregos indiretos.

O movimento cooperativo representa cerca de 12% da humanidade, está dando uma contribuição vital para ajudar todos os seus membros, famílias e comunidades a superar essa crise. É assim que buscamos abrir espaços de diálogo para forjar ações de interoperação de maneira intersetorial, coordenadas por cada confederação e cooperativa e que também possam levar essas propostas às autoridades nacionais e locais. Convidamos você a construir alianças inesperadas, em um momento inesperado.

Do Escritório Regional de Cooperativas das Américas, daremos visibilidade a esses esforços, a fim de trocar informações confiáveis sobre boas práticas em nível regional.

Expressamos nossos sinceros agradecimentos ao pessoal médico e aos trabalhadores das cooperativas de saúde, celebramos e destacamos seu talento, espírito de serviço, esforço, dedicação, a essa profissão, àqueles que dão suas vidas e que dão um exemplo de sua generosidade e compromisso humanístico. isso coloca o coletivo diante do indivíduo.

Desejamos que este novo capítulo da história do planeta prevaleça os princípios e valores do cooperativismo, e o futuro que escreveremos em nossas decisões seja definido por nossos valores éticos, por cooperação, solidariedade e equilíbrio de nossa existência com o meio ambiente para o bem comum.

Cooperativas das Américas