Newsletter
Notícias

Taxa do cartão de crédito parcelado do Sicoob é 200% menor do que a média do mercado

10/10/2018

O Sicoob apresentou diferença de 200,7% na taxa de cartão de crédito parcelado, em relação à média das instituições financeiras do País, no primeiro semestre de 2018. A média de juros no crédito pessoal foi de 2,18% ao mês (29,54%) ao ano, enquanto a média do mercado foi de 3,1% ao mês (43,9% ao ano).

As instituições financeiras reduziram 88 pontos percentuais dos juros do rotativo do cartão de crédito por conta das medidas no ano passado pelo governo, e recentemente novas regras foram anunciadas para uso do cheque especial, que entraram em vigor no mês de julho.

O Sicoob se destaca ao longo dos anos com juros bem abaixo da taxa praticada no mercado, sempre implementando as ações de mercado, estimulando o bom uso do produto entre os cooperados e a educação financeira na sociedade brasileira.

O crescimento das operações de crédito do Sicoob – crescimento anual de 20% –, tem sido acima da média do sistema financeiro nacional (1,7%), tanto de pessoa física (6,2%) quanto pessoa jurídica (-3,1%).

Outro ponto importante a destacar foi o crescimento das sobras (que corresponde ao lucro nos bancos), no total de 56,1%, quando comparado com o mesmo período do ano anterior.

O Sicoob também contribuiu para a redução do desemprego no País, movimento contrário à realidade brasileira, ao expandir em 7,4% os postos de trabalho. Gerou 4,4 mil empregos novos em sua área de atuação, passando de 30 mil para mais de 34 mil brasileiros no quadro de funcionários (empregados e dirigentes), crescimento de 15,1%, uma tendência contrária ao mercado de trabalho no Brasil.

O Sicoob possui o sexto maior patrimônio líquido entre as instituições do Sistema Financeiro Nacional, o sexto em depósitos totais, o sétimo em operações de crédito e o nono em ativos. A participação do Sicoob no cooperativismo financeiro brasileiro é de 44% do patrimônio líquido, 48% dos depósitos totais, 49% das operações de crédito e 35% dos ativos totais.

Dados setembro/2018

4,2 milhões de cooperados

2,8 mil pontos de atendimento

4.170 caixas eletrônicos próprios

40,4 mil empregados e dirigentes

895 correspondentes

460 cooperativas singulares

R$ 21 bilhões em patrimônio líquido

R$ 51 bilhões em operações de crédito

R$ 64 bilhões em depósitos totais

R$ 100 bilhões em ativos totais.

Anuários e prêmios

- Exame Melhores e Maiores: 41ª posição.

- Valor 1000: 9º no ranking Finanças (100 maiores bancos).

- Finanças Mais (Estadão): 1º lugar em Financiamentos (Bancoob).

- As Melhores da Dinheiro (revista IstoÉ Dinheiro): 1º lugar em Responsabilidade Social, 3º em Governança Corporativa e 4º no ranking geral de Serviços Financeiros, Recursos Humanos e Inovação e Qualidade.

- Prêmio efinance: App Sicoob e Open Banking.

Perspectivas

O Sicoob projeta um crescimento, em 2018, de 3,9% no número de agências, devendo chegar a 2.803, espalhadas por todos os Estados do País e Distrito Federal. Os cooperados devem chegar a 4,5 milhões (15,4%). Os ativos totais devem crescer 15,8%, as operações de crédito 16,2%, os depósitos totais 20,6%, o patrimônio líquido 13,4% e o resultado (sobras), 17,8%.

Entre as vantagens de se associar ao Sicoob, além de taxas de empréstimo mais competitivas e melhor remuneração dos investimentos, estão o investimento nas comunidades, atendimento personalizado, participação do cooperado nos resultados financeiros, decisões democráticas, envolvimento direto com projetos sociais nas comunidades e desenvolvimento socioeconômico sustentável. O Sicoob é, também, a única instituição financeira presente em mais de 200 municípios brasileiros.

Sicoob Central SC/RS - com Approach Comunicação e Sicoob Confederação. Foto: Marcelo Casal Jr./Agência Brasil